Autismo e Odontologia

Autismo e Odontologia

O tratamento odontológico de pacientes com autismo é complexo, devido às suas características comportamentais inerentes e o desconhecimento da patologia pelos profissionais, pois nenhuma formação universitária se concentra em fornecer conhecimentos e habilidades para cuidar de pacientes com deficiências físicas, mentais e cognitivo e é por isso que muitos dentistas tem receio ao tratar esses pacientes. Especificamente pacientes com autismo têm problemas no desenvolvimento da linguagem e não mostram as emoções, sensações ou dor, o que dificulta a comunicação e colaboração durante o procedimento clínico.

Um estudo publicado na revista da Rede Ibero-Americana de Peritos sobre a Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, em 2008, mostra o manejo do paciente autista dentro do consultório odontológico.

Os autores afirmam que, geralmente, os dentistas se sentem temerosos ao atender um paciente com Autismo, devido a quantidade de complicações que podem surgir durante o tratamento além do difícil manejo psicológico dos mesmos. Porém, é cada vez mais indispensável a realização de tratamento preventivos e curativos.

Eles mostram que é de grande importância realizar uma anamnese completa, com a historia clínica, médica/odontológica, pondo em ênfase os antecedentes pessoais e familiares. E que, por meio disso, será possível realizar um planejamento terapêutico que seja realizado dentro do consultório odontológico, evitando que seja necessário o uso de anestesia geral nesses pacientes. Sendo proposto que haja um condicionamento ao ambiente odontológico, incluindo um físico com o dentista e com a equipe presente no consultório, e fazer com que o paciente esteja ciente de todos os barulhos e odores que podem estar presentes dentro do ambiente odontológico.

O estudo aponta que para que isso seja possível, é preciso lançar mão de todos os recursos possíveis, principalmente ajuda dos familiares, reforços positivos e recursos musicais.

O estudo concluiu que é muito importante que o cirurgião-dentista lance mão de técnicas para o manejo do paciente autista dentro do consultório odontológico, para evitar o uso de sedação. E que depois de condicionado, o paciente autista pode ser tratado dentro do consultório odontológico com êxito.

Na ODONTOMANIA, você encontra profissionais capacitados para o atendimento de pacientes autistas e com Síndrome de Down.

CLIQUE NO BOTÃO ABAIXO PARA AGENDAR UMA CONSULTA NA CLÍNICA ODONTOMANIA:

botao-agendar

Tags:
, , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,
Nenhum comentário

Escreva um comentário.